312 Views |  Like

Daniela Falcão, a mulher responsável por restabelecer a proeminência da maior revista de luxo na comunidade global da moda.

Desde 2013, Daniela Falcão é considerada uma das 500 personalidades mais influentes da moda internacional pela Business of Fashion, um dos sites mais importantes da indústria da moda. Sua paixão pelo seu trabalho e seus anos de experiência e dedicação nos inspiram e, por isso, nessa semana falaremos dela, a ex-editora chefe da Vogue Brasil e atual diretora geral da Globo Condé Nast.

Sua relação com a moda começou há alguns anos atrás, em 2003. Na sua infância, a sua paixão era outra: o jornalismo. Sabe-se que Daniela sempre admirou e se espelhou em seu avô, que foi quem criou o Jornal da Bahia. Por isso, desde pequena, escrevia historinhas para os suplementos infantis. Nasceu em Salvador, morou no Rio até os 17 anos e, na época do vestibular, voltou para Bahia. Sempre foi uma aluna exemplar e batalhou para ir para a melhor faculdade do Brasil, para estudar jornalismo. Acabou passando para a Universidade de Brasília, a terceira melhor do país, e, depois de se formar, voltou para sua terra natal. Começou sua carreira profissional no jornal Tribuna da Bahia, cobrindo o caderno de Cidade, e no jornal A Tarde, cobrindo Férias. Mais tarde, acabou se firmando na editoria de Domingo do A Tarde, em temas de Comportamento.

Sabendo do potencial que tinha, Daniela decidiu enviar seu currículo para a Folha de S. Paulo, conseguiu o emprego e, em 1995, se mudou e começou na editoria de Economia da Folha. Ficou um ano e meio lá quando resolveu se inscrever em um programa de bolsas para jovens talentos. Com vontade de querer aprender mais, foi para Nova York como correspondente, onde ficou 11 meses fazendo um pouco de tudo, desde matérias com ministros até entrevistas com celebridades. Foi uma época muito rica para Daniela, onde adquiriu experiência como jornalista com foco em uma variedade grande de assuntos.

De volta ao Brasil, ela recebeu uma proposta de cobrir política em um jornal de Brasília e acabou ficando 4 anos por lá. Viajou muito, para os lugares mais remotos do país, para mostrar a realidade das políticas públicas. Até que ganhou uma bolsa do Instituto Ayrton Senna para estudar em Nova York. Ficou um ano fora e quando voltou quis experimentar algo diferente. Por isso, foi para o novo caderno Equilíbrio da Folha, tendo sua primeira experiência como editora assistente. Após um ano e meio aprendendo muito, recebeu uma proposta para ser subeditora da revista de domingo do Jornal do Brasil, no Rio.

Era o momento em que o Jornal do Brasil estava tentando se reerguer e a revista ia ser reformulada para ficar mais luxuosa. Foi aí que Daniela teve seu primeiro contato com a moda. Ficou dois anos por lá e, nos últimos seis meses, assumiu como editora da revista. Em 2003, Daniela foi convidada para editar a revista TPM, em São Paulo, e também a revista TRIP, como diretora de redação.

Em outubro de 2004, Daniela foi chamada pela Vogue. Eles estavam procurando alguém com um olhar mais feminino, já que os editores e diretores de redação eram todos homens. Queriam uma pessoa que entendesse a moda como comportamento e, mais uma vez, Daniela mergulhou de cabeça nesse novo universo da moda, se tornando editora chefe da revista Vogue Brasil em 2005, quando ela ainda era publicada pela Carta Editorial. A partir de novembro de 2010, a Vogue Brasil passou para as mãos da Globo Condé Nast. Após 10 anos de muito esforço e trabalho duro, em 2016, a Globo Condé Nast promoveu Daniela para a direção geral do grupo, assumindo os quatro títulos da casa: Glamour, GQ, Casa Vogue e Vogue. Cargo mais que merecido para uma profissional experiente, que construiu uma carreira sólida em cima de muito trabalho. Sou fã!

daniela falcão 2

Daniela Falcão, além de ser referência no mercado de negócios da moda, é ainda um exemplo de mulher. Ano passado, em meio a todas essas responsabilidades, mostrou muita força, enfrentando um câncer de mama, sem deixar a peteca cair. Um exemplo de superação. Este ano, estreia um documentário sobre a vida e a carreira dessa baiana tão talentosa! Eu não vou deixar de assistir. E você??!!